Notícias

APA da Serra do Lajeado produz mudas nativas para recuperação de áreas inscritas

27/09/2019 - Cleide Veloso/Governo do Tocantins

Nesta quinta-feira, 26, o viveiro da Área de Proteção Ambiental da Serra do Lajeado (APASL) registrou as primeiras mudas de baru que estão sendo preparadas para plantio a partir de dezembro desse ano. A equipe também possui um estoque de sementes de espécies nativas do cerrado para semeadura direta a partir do início do período chuvoso. 

A supervisora da APA da Serra do Lajeado, Camilla Oliveira Muniz, esclareceu que as mudas serão doadas para propriedades da APASL, adotando como critério de prioridade a recuperação de nascentes, matas ciliares e áreas degradadas mediante cadastrado na lista de espera das doações.

O projeto de produção de mudas do Viveiro da APA da Serra do Lajeado adota tubetes (recipiente reutilizável) em substituição ao uso de saco plástico, como alternativa para redução de resíduos na natureza. Assim, somente após a chegada desses recipientes será possível prevê o total de mudas que serão produzidas.

Os brigadistas da APASL, Valdeir Nunes da Silva, Wesley Américo, Sávio Nascimento e Daniel Araújo abraçaram a iniciativa de criação do viveiro de mudas. A equipe brigadista construiu toda a estrutura do viveiro, desde as bancadas ao cercado da produção, buscando os substratos no campo, com madeiras doadas pelas empresas IG e Elecnor que são responsáveis por empreendimentos de linha de transmissão de energia na região.

Camilla Muniz contou que os próprios brigadistas buscaram as sementes, desenvolveram uma máquina de quebrar o baru e estão cultivando as mudas. A supervisora afirma que é necessário um período de quatro meses  para que as mudas estejam prontas para plantio. Nesse intervalo e com o início das chuvas a APASL pretende implantar novas etapas do Projeto Restaura-TO, que consiste na semeadura direta no solo.

Para empreender a semeadura, o proprietário da área precisa deixar o solo preparado. Já para o plantio de mudas, o proprietário recebe a doação da espécie, mas precisa providenciar o plantio e o registro fotográfico     que deverá ser entregue junto com a devolução dos tubetes na Sede da APA Serra do Lajedo.       

A supervisora da APASL reiterou que a equipe conta com o apoio do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e pretende executar mais uma etapa do projeto Restaura-TO. Esse projeto foi idealizado pelo engenheiro florestal Ricardo Flores Haidar e executado nos últimos três anos em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins).

Cadastro

Para inscrição de propriedade da APASL no cadastro de doação de mudas é necessário que o interessado entre em contato pessoalmente na Sede da APA da Serra do Lajeado ou envie manifestação de interesse para o email apaserradolajeado@naturatins.to.gov.br.