Notícias

Parceria entre Naturatins e Bombeiros vai combater focos de incêndio no Jalapão

13/08/2019 - Tânia Caldas/Governo do Tocantins

Nesta segunda-feira, 12, representantes do Parque Estadual do Jalapão (PEJ), Área de Proteção Ambiental (APA) do Jalapão, Unidades de Conservação de responsabilidade do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), juntamente com o Corpo de Bombeiros, Brigadistas Contra Incêndio Florestal e agentes ambientais da Prefeitura Municipal de Mateiros, estiveram reunidos no Centro de Capacitação e Educação Ambiental do PEJ, no município de Mateiros.

Na ocasião as equipes dialogaram sobre o planejamento de ações que serão realizadas em parceria com estas instituições ligadas a proteção do meio ambiente, neste período de estiagem. Na pauta do encontro foram discutidas diversas medidas no sentido de alinhar as iniciativas, para que juntos possam atuar no combate aos focos de incêndio, que poderão ocorrer na região. 

Presente na última sexta-feira, no Parque Estadual do Jalapão, o presidente do Naturatins, Sebastião Albuquerque reforçou sobre a disponibilização da área do Parque para a instalação do Posto Avançado do Corpo de Bombeiros naquela Unidade de Conservação. “Esta medida é uma ação direta de parceria especifica no combate os incêndios florestais do Parque e seu entorno. Além da participação dos bombeiros, foi disponibilizado um caminhão militar mamute, veículo especialmente adaptado ao terreno, que vai atuar a partir de Mateiros”, adiantou.

“A equipe do Parque Estadual do Jalapão irá apoiar as atividades dos bombeiros e esta será a oportunidade de a equipe auxiliar no reconhecimento dos acessos de combate, captação de água, além de eles conhecerem as  comunidades tradicionais”, disse a supervisora do Parque Estadual do Jalapão Jailma Soares. “Diariamente iremos usar os dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), para planejar o dia, acompanhar os bombeiros e  monitorar as áreas vulneráveis aos incêndios”.

Segundo o diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas, Warley Rodrigues, durante a reunião, o grupo alinhou ações, como a apresentação do mapa de combustível. “Nós encaminhamos o Mapa de Focos de Incêndio do INPE, que vai auxiliar os bombeiros do Posto Avançado, no reconhecimento dos locais de risco de queimada, além de estabelecer a logística necessária para que o caminhão possa se deslocar na área do Parque do Jalapão. A princípio as Brigadas darão apoio às comunidades quilobolas Mumbuca, Boa Esperança e Carrapato, afirmou.

Terrenos hostis

Construído para combate a incêndio florestal, o Auto Bomba Tanque Florestal (ABTF) tem tração 4x4 e conta com um tanque para três mil litros de água. Um dos principais diferenciais é sua capacidade de acessar terrenos hostis, com fogo, pois é dotado de um sistema em que ele mesmo lança água sobre sua estrutura. Seja por cima da cabine, em cima da carroceria ou mesmo por baixo, nas rodas e cabeamentos aparentes.

Além disso, o ABTF tem jato de água de grande pressão sobre a carroceria, que pode ser operado por um bombeiro, ou acionado da cabine, onde há espaço para seis pessoas sentadas.