Notícias

Medida compensatória garante reforma do Parque do Cantão

12/03/2015 - Suene Moraes

O Parque Estadual do Cantão, no município de Caseara e Pium, passa por reformas e revitalização de melhorias em sua infraestrutura. A Unidade de Conservação é administrada pelo Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e é considerada um dos principais pontos turísticos do Estado.

Os recursos investidos no Parque Estadual do Cantão, de cerca de R$ 500 mil, são provenientes de medida compensatória ambiental, por meio da implantação da linha de transmissão de energia elétrica de 500 Kv, Itacaiunas - Colinas. A estrutura física que serve para atendimento ao turista foi danificada em um incêndio criminoso ocorrido em 2012.

Entre as mudanças feitas no parque estão a reforma completa do píer de embarque e desembarque, a troca de assoalho, a pintura náutica, além do reparo na guarita e revisão do Plano de Manejo. A previsão para conclusão e entrega está marcada para o final do mês de maio.

O gestor do Parque, Gilberto Oliveira, informou que a reforma é fundamental para desenvolver as práticas de preservação ambiental desenvolvidas na unidade de conservação. “Também recebemos muitos turistas, pesquisadores e precisamos ter uma estrutura para acolher as pessoas que desejam conhecer o local. O píer está inoperante e era um dos pontos de apoio mais procurado por fornecer uma vista completa dos atrativos da região”.

TURISMO

Somente nos dois primeiros meses de 2015, o Parque do Cantão recebeu 60 turistas. No ano passado cerca de 700 visitantes estiveram na Unidade. Entre os atrativos disponibilizados, a pessoa pode escolher trilhas ecológicas, observação de pássaros e passeios de barco e canoa. Com a reforma e mais parcerias que serão firmadas mais opções serão implantadas, entre as quais: circuito de arvorismo, trilhas de bike, área de camping e passeio de caiaque.

MEDIDA

A medida compensatória é constituída pela Lei 9.985/ 2000, que estabelece a requisição do empreendedor em apoiar a conservação e manutenção das Unidades nos casos de licenciamento ambiental de empreendimentos de significativo impacto ambiental.

 Parque

 Parque Estadual do Cantão protege:

- 325 espécies de aves;

- 299 espécies de peixes, mais do que qualquer outra unidade de conservação do Brasil;

- A maior população do recém-descoberto boto do Araguaia (Inia araguaiensis);

- Maior população de ariranhas (Pteronura brasiliensis) restante, no Brasil central;

- Onças-pintadas, jacarés-açú, pirarucús, harpias, e outros predadores que dependem de grandes áreas desabitadas para sobreviver.

Compartilhe esta notícia